Rede 5G chegará em duas formas, conheça os padrões 5G NSA e 5G SA

Marcos Gonçalves da Silva

A nova rede 5G já está sendo disponibilizada em algumas regiões, mas chegará de duas formas, os padrões 5G NSA e 5S AS são diferentes e iremos explicar o que muda em cada caso.

O mercado mundial já conta com vários aparelhos com tecnologia 5G, temos os Galaxy S10, Galaxy Note 10, Mi Mix 3 5G e muito mais.

Com a Qualcomm revelando que seus processadores da linha Snadragon 6xx e 7xx serão equipados com 5G, o mercado começará, enfim, a receber telefones medianos/intermediários com a nova rede.

Mas curiosamente, a rede 5G possui dois padrões, são os 5G NSA e 5G AS, cada um chega com diferenças que afetam principalmente a velocidade máxima da rede.

5G NSA

MediaTek 5G

Conhecida como 5G Non Standalone (5G Não Autônomo), essa é a forma mais barata de trazer a rede 5G para as operadoras do mundo todo, já que é necessário pouco investimento, mas no final a velocidade é mais alta do que o 4G atual, mas ainda é mais lenta que a 5G tradicional.

 5G NSA conta com a infraestrutura das operadas em 4G, o que muda é apenas a antena de comunicação, que é especialmente para a rede 5G, mas da antena em diante, tudo acontece com a tecnologia 4G.

Isso significa que os aparelhos com rede 5G que se conectarem utilizando a rede 5G NSA, terão 10x mais velocidade do que a rede 4G, mesmo que tudo (sem contar a antena) ainda esteja utilizando a tecnologia 4G.

Com o 5G NSA é esperado uma melhoria entre 5x a 10x na velocidade na conexão em comparação com o 4G atual.

5G SA

Galaxy S10 5G

Esse é considerado o verdadeiro 5G, o 5G SA (5G Autônomo) é o padrão que foi criado para ser utilizado assim, com todos os aparelhos e recursos da operadora na velocidade mais alta.

Diferente do 5G NSA, o 5G SA exige um maior investimento das operadoras, já que será necessário fazer a troca das antenas e de todos os equipamentos.

Mas apesar de ser mais cara, a troca dos equipamentos para o 5G SA traz o grande benefício da tecnologia, o de maior capacidade para se conectar com muitos aparelhos ao mesmo tempo e a velocidade máxima da rede.

Com o 5G SA a velocidade conseguida é de cerca de até 10x maior do que o 5G NSA, então os consumidores e operadoras poderão utilizar a velocidade máxima da rede.

5G para todos e em todos os aparelhos com suporte

Huawei Kirin 5G

Felizmente todos os aparelhos que chegam com suporte para a rede 5G, poderão utilizar o 5G SA e 5G NSA, então na pratica você não precisará se preocupar com a rede que está utilizando.

Mas lembrando que o 5G SA é o padrão, ele é mais rápido e eficiente, então apenas com ele você terá a velocidade máxima da rede da operadora e do seu telefone compatível.

5G no Android

Android 5G

O sistema Android já conta com suporte oficial para a rede 5G, esse feito é uma das novidades do Android 10, que já foi lançando, ele permite que as fabricantes utilizem a nova rede sem precisar fazer nenhuma mudança no sistema.

5G no Brasil

Rede 5G

A Anatel terá o primeiro leilão das frequências 5G em março de 2020, mas isso é algo que pode sofrer algum atraso, dessa forma, não sabemos ao certo quando a nova rede irá fazer a estreia no Brasil.

Mas o interessante é que quando a rede 5G chegar ao Brasil, o mercado internacional já contará com aparelhos tops de linha e aparelhos mais simples, o que irá ajudará no rápido crescimento do suporte para a nova rede, já que os usuários irão precisar apenas de um aparelho novo (e talvez não muito caro) para aproveitar a alta velocidade da internet.

Compartilhe o artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *