O evento Google I/O foi bem interessante, um dos destaques foi Google Assistente que conseguiu ser 10x mais rápida do que atualmente é.

Conhecida como Next Generation Assistant, a próxima geração da assistente promete uma melhoria essencial para seu uso, a de trazer maior velocidade para entender, realizar ações e responder.

Atualmente funciona assim, você utilizar o comando “Ok Google” (se preferir, Hey Google) e faz uma pergunta ou um comando, então a sua fala é enviada para o datacenter do Google que processa a informação e te envia um resultado, claro que sem internet Google Assistente ainda pode fazer algumas tarefas, mas com limitações.

Confira celulares em oferta na Amazon

Agora o Google promete uma grande atualização no processo para Google Assistente, que irá funcionar diretamente no telefone do usuário e não precisará se comunicar com servidores.

O próprio Google diz que conseguiu um grande avanço, a empresa afirma que conseguiram transformar 100GB de dados necessário para o processamento em apenas 500MB, assim Google Assistente pode funcionar localmente.

A grande vantagem é a maior rapidez, como tudo já está no seu Android, as repostas são praticamente instantâneas, o Google afirma que essa mudança deixou Google Assistente 10x mais rápida.

Na demonstração no Google I/O, Google Assistente foi levado ao máximo, foram feitos vários pedidos na sequência e todos eles de forma aleatória, o que mostrou outro ponto interessante, a da multitarefa do recurso, que agora poderá lidar com vários aplicativos, respondendo rapidamente cada ação que o usuário estiver pedindo.

Algo que chamou a atenção é que Google Assistente fica mais “humano” basta você chamar apenas uma vez e ir falando os comandos que quer, sem precisar ficar repetindo “Hey Google” a todo momento.

Google Assistente também receberá melhorias para entender melhor quando um comando é dado enquanto você está ditando palavras para ele escrever, assim você poderá realizar ações e continuar a ditar sem problemas.

Compre smartphones e celulares na Amazon

Mas com o Android Q Beta 3 focado em privacidade, ter os dados do Google Assistente no próprio aparelho traz ainda mais privacidade para os usuários, que não terão que enviar dados para servidores externos.

Para quem não utilizava os recursos inclusos no Google Assistente pela lentidão que apresenta, essa novidade pode fazer você tentar mais uma vez no futuro e se a promessa de 10x mais velocidade for real, possivelmente você ficará impressionado com a novidade.

Essa nova versão melhorada da Google Assistente será liberada primeiro para os aparelhos da linha Pixel, não existe data para chegar em outros aparelhos de fabricantes.

Lembrando que Google Assistente tradicional já está disponível no Brasil, inclusive falando em português.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here