Notícias, Samsung

Relatório revela que Galaxy Note 7 pode ter explodido por causa de erro de design e fabricação da bateria

Galaxy Note 7 espaço da bateria

Com o Galaxy Note 7 longe do mercado, a Samsung está trabalhando duro para descobrir qual é o principal problema que afetou o smartphone.

Relatório revela que Galaxy Note 7 pode ter explodido por causa de erro de design e fabricação da bateria que foi um pouco diferente da forma tradicional.

Primeiro vamos lembrar os fatos que envolveram o Note 7, primeiro o smartphone foi lançando, saiba mais em “Galaxy Note 7 finalmente é anunciado, conheça os recursos do smartphone”.

Galaxy Note 7

Dias depois os problemas de explosões começaram e ficaram ainda mais conhecido, algo que podemos ver em “Com problemas de bateria, Galaxy Note 7 é retirado do mercado e no Brasil lançamento é adiado”, logo depois a Samsung revelou que o problema estava na bateria e que a troca seria feita, mas o novo modelo também apresentou o mesmo problema, veja mais em “Novas unidades do Galaxy Note 7 chegam com novos problemas para usuários que fizeram a troca”.

Nos últimos meses a Samsung revelou que cancelou a venda do smartphone e retirou o aparelho do mercado, confira as informações em “Samsung aconselha consumidores desligarem Galaxy Note 7, cancela todas as vendas e desativa Gear VR”.

Depois do recall do Galaxy Note 7, a Samsung e algumas agências do governo começaram a fazer testes para descobrirem quais foram as causas que provocaram as explosões no aparelho.

Galaxy Note 7

Um novo relatório mostra que o Galaxy Note 7 começou a explodir por causa do seu design e problema da forma que a bateria foi fabricada para o smartphone.

Primeiro vamos falar da bateria, para a parte positiva a mesma usa óxido de lítio-cobalto, para a parte negativa temos o grafite, para separa as duas parte foi usada camadas de polímero com eletrólitos.

Até ai tudo bem, o problema é que a bateria foi feita com um design muito fino, por isso, quando as duas camadas positiva e negativa se encontram, a bateria começa a ficar quente a ponto de explodir.

Galaxy Note 7 queda

Outro item que também impactou no caso das explosões é o próprio design do Galaxy Note 7, o lugar onde a bateria fica localizada também é muito apertado para a bateria, algo que contribuiu para que as duas camadas conseguissem se unir e tempo depois apresentar o problema de explodir como a maioria dos casos que conhecemos.

Para quem não sabe, a bateria ao longo do tempo pode se expandir um pouco com o uso normal, isso é tradicional e as fabricantes sabem disso, por isso, o local da bateria sempre é um pouco maior para que essa expansão não apresente problemas com o tempo, algo que não acontece no Note 7 já que o aparelho tem praticamente o tamanho exato para encaixar a bateria, algo que podemos ver em detalhes na imagem abaixo:

Galaxy Note 7 espaço da bateria

Sem uma margem de segurança decente, todos os Galaxy Note 7 um dia ou outro iriam explodir, isso só mostra que o recall do aparelho foi mais do que necessário para manter os consumidores seguros.

Agora com essas informações, a Samsung tem tudo para não errar novamente e seus novos aparelhos poderão ser mais seguros e não terem problemas como os que encontramos no Galaxy Note 7.

Via: Instrumental

Artigo AnteriorPróximo Artigo
Sou uma pessoa que adora tecnologia, que gosta de ajudar, principalmente quando tem tecnologia envolvida, espero conseguir trazer muitas informações, aplicativos e principalmente jogos para todos que gostam de Android.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *