Mi Band 4 chegará em versão internacional sem NFC e assistente de voz

Versão internacional da Mi Band 4 perde os recursos de NFC e assistente de voz, itens que foram anunciados inicialmente para um modelo na China.

Quando a Mi Band 4 foi anunciada, a Xiaomi deixou claro que iria existir duas versões da pulseira inteligente, uma com e outra sem NFC.

Agora a fabricante vem avisar que Mi Band 4 não terá NFC e nem assistente de voz na versão internacional, que inicialmente será lançada na Europa.

Mi Band 4

Para quem não conhece, Mi Band 4 é uma pulseira inteligente, ela consegue reconhecer os exercícios que você está realizando, consegue contar passos, tem sensor de frequência cardíaca, tela colorida, proteção contra água e muitos mais.

Xiaomi Mi Band 4

A Xiaomi revelou duas versões, Mi Band 4 com NFC e outra sem essa tecnologia incorporada, ambas podem ser coentradas na China nesse momento.

  • Versão chinesa e internacional

Quem acompanha a Xiaomi, sabe que a fabricante tem uma versão global e outra de seus aparelhos apenas para a China, um grande exemplo é Redmi K20 que foi lançando internacionalmente com o nome de Mi 9T.

Agora com a Mi Band 4 também teremos versões lançadas na China e outra apenas para o mercado internacional, ou seja, para o restante do mundo.

Mas infelizmente os dois modelos terão algumas mudanças que podem impactar os usuários desavisados.

  • Assistente de voz
Xiaomi Mi Band 4

A primeira grande mudança é a assistente de voz, XIaoAI, que foi criada para ajudar os consumidores a realizarem tarefas apenas falando com o dispositivo.

A assistente nesse momento só funciona na China, por isso, Mi Band 4 em sua versão internacional não terá esse recurso incluído (possivelmente não terá o microfone também), já que que a assistente não entende outros idiomas.

  • NFC

A segunda e última mudança é que Mi Band 4 terá apenas a versão sem NFC disponível para o mercado internacional.

Isso também não poderia ser muito diferente, já que as lojas parceiras Xiaomi que aceitam Mi Band 4 como forma de pagamento estão todas localizadas na China, então liberar o recuso para outras regiões não faz o mínimo sentido nesse momento.

Mi Band 4 internacional sem NFC e assistente de voz

Xiaomi Mi Band 4

Como podemos notar, realmente não faz sentido liberar a melhor versão da Mi Band 4 com NFC e assistente de voz para outros mercados além da China.

Se você comprar a Mi Band 4 da China com NFC e assistente e voz, terá que saber falar chinês para a utilização e o NFC só irá funcionar com as lojas parceiras da Xiaomi, que estão localizadas na China, ou seja, você estará gastando mais dinheiro para ter recursos que não poderá utilizar.

Via: Xda

Últimas Promoções

Promoção Galaxy S10e R$1965 ou R$2.069 em 10x sem juros

O novo Galaxy S10e acaba de ser anunciado para o Brasil, o smartphone chega com o menor valor entre os três modelos.

Promoção Moto G7 Play R$553 ou R$629 em 9X sem juros

Moto G7 Play entrou em promoção, com preço menor smartphone é uma alternativa para quem quer um aparelho mais simples e barato.

Promoção Motorola One Macro R$976 ou R$1110 em 10x

Motorola One Macro está mais barato, telefone entrou em promoção e está com preço muito baixo. O smartphone irá se...

Promoção Galaxy S10 R$2.699 em 10x sem juros

Galaxy S10 já é uma realidade para o Brasil, smartphone top de linha é bem interessante para quem quer o melhor em todos...

Promoção Zenfone 5 128GB R$999 em 10x sem juros

Zenfone 5 com desconto fica mais interessante, telefone chega com especificações decentes e um novo visual. No Zenfone 5...

ARTIGOS RELACIONADOS

2 COMENTÁRIOS

  1. Estranho, pensei que NFC seria colocar o número do cartão (armazenado na pulseira ou app) e pagar tranquilo, será que terá atualização de firmware dela futuramente para suportar em outras línguas tbm o assistente de voz?

    • Na pratica deveria ser assim, mas você esqueceu o software para autorizar o pagamento, por exemplo, Google Pay, Samsung Pay, que precisam ser um método de pagamento aceito na loja que você vai realizar o pagamento, no caso da Xiaomi, o app de pagamento só está disponível na China e somente lojas do país aceitam essa forma de pagamento, então para eles, foi melhor remover o hardware e o suporte para esse tipo de pagamento.
      Já no caso da assistente, o problema é que ela só estava falando em Chinês, então os comandos e respostas são nesse idioma, mais uma vez, foi melhor remover, do que deixar o que na pratica não seria utilizado por muitos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Receba as novidades em seu E-mail!