Nos EUA, Samsung inicia programa de reparo em smartphones que demora no máximo duas horas

Galaxy S7 Refrigeração

Tentando agilizar o processo de reparo em alguns de seus smartphones, Samsung apresenta programa que promete reparar dispositivos em no máximo duas horas, algo bem difícil de acreditar.

Um dos maiores problemas nos aparelhos atualmente é o pós-venda, que sempre deixa a desejar e nem toda vez funciona como deveria.

Nos EUA, Samsung inicia programa de reparo em smartphones que demora no máximo duas horas, o que seria muito bem-vindo no mundo todo.

Atualmente os usuários precisam escolher um novo smartphone olhando as suas especificações, preço e claro, como será atendido caso o aparelho venha apresentar algum problema no futuro, esse último item é um dos principais, inclusive muitas pessoas deixam de adquirir um aparelho de uma determinada marca por já ter passado problema com a assistência técnica.

Galaxy Note 8

Mas agora a Samsung quer mudar, pelo menos nos EUA, a forma como alguns usuários enxergam suas assistências técnicas, ao mesmo tempo que quer mostrar um trabalho rápido e preciso.

Para aumentar a qualidade do serviço feito e diminuir o tempo de espera, a Samsung se uniu com as lojas de reparação uBreakifix, toda a cadeia de lojas terá peças sempre sobrando de alguns aparelhos da fabricante, o que permite um rápido e eficiente serviço para os usuários.

Será tudo muito simples, o usuário entra em contato, relata o que está acontecendo, tem um agendamento, basta comparecer ao estabelecimento e seu aparelho será consertado no máximo em duas horas na maioria dos casos.

Inicialmente a lista de aparelhos que podem receber esse tipo de reparo rápido é pequeno e a maioria é top de linha, confira:

Samsung linha Galaxy

O novo programa ainda está no começo, por isso, poucas lojas estão fazendo parte, mas a intenção da Samsung é conseguir ter mais de 500 lojas até 2019 realizando esse tipo de serviço.

Infelizmente a Samsung não tem planos para outras regiões, mas seria excelente ter algo assim aqui no Brasil, que normalmente um smartphone para ser consertado demora facilmente semanas.

Via: Businesswire

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 3 =

Send this to a friend