Notícias

OnePlus não irá vender aparelhos tão cedo no Brasil ou na América Latina

OnePlus 3

Na China, muitas fabricantes estão se destacando no mercado mundial, claro que muitos querem que algumas dessas empresas cheguem em seu próprio país.

OnePlus não irá vender aparelhos tão cedo no Brasil ou na América Latina, muitas coisas precisam mudar na região para chamar a atenção para esse lado do globo.

A fabricante OnePlus começou a ganhar destaque quando começou a investir em aparelhos mais caros e potentes, o maior destaque é o OnePlus 3 que conhecemos melhor em “Fabricante mostra que OnePlus 3 é um dos mais rápido para carregar a bateria”.

OnePlus 3

Se você não sabe, a OnePlus é uma fabricante da China, mas não se engane, a maioria dos seus aparelhos são de qualidade invejáveis, ela usa peças de fabricantes conhecidas como Sony, LG, Sharp entre muitas outras.

Com um dos melhores aparelhos Android do momento, algo que podemos ver claramente em “AnTuTu revela os smartphones mais rápidos do mês de agosto, maioria ainda são da China e com Android”, a OnePlus é uma fabricante que irá fazer muito sucesso pela maioria dos países que entrar oficialmente.

Aos poucos a fabricante está investindo para sair da China e conquistar mais pessoas em outras regiões, atualmente a OnePlus anunciou que tem planos de chegar aos EUA e na Europa.

OnePlus 3

Claro que muitos queriam saber o que a empresa quer fazer em relação aos países da América Latina, mas as novidades não são boas para essa parte do mundo.

Um repórter do La Nación revelou que conversou com Peter Lau, CEO da OnePlus, uma dessas perguntas foi que se a empresa tem planos de chegar aos países da América Latina, mas a resposta que recebeu foi:

“Não temos planos de vender nossos smartphones na América Latina. O foco é na Europa e nos EUA. ”

Logo depois, o CEO também revela que a região tem muito potencial e eles não estão prontos para isso.

OnePlus 3

Como a OnePlus vende aparelhos diretamente através do seu próprio site, aqui no Brasil e regiões da América Latina será algo que não poderá fazer muito sucesso, já que os seus aparelhos não serão encontrados nas lojas das operadoras.

Usando um método de vendas diferente, podem não agradar muitas pessoas e no final pode acontecer algo como o que aconteceu com a Xiaomi e que você pode saber mais em “Xiaomi e Sony abandonam produção de smartphone no Brasil”.

Infelizmente quem quiser adquirir um dos mais rápidos smartphones do mercado e mora no Brasil ou em outros países da América Latina, o único modo será através de importação.

Artigo AnteriorPróximo Artigo
Sou uma pessoa que adora tecnologia, que gosta de ajudar, principalmente quando tem tecnologia envolvida, espero conseguir trazer muitas informações, aplicativos e principalmente jogos para todos que gostam de Android.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *