Notícias

Nas operadoras Google Pixel terá bootloader bloqueado, versão de 32GB com cerca de 24GB para usuário

Google Pixel

Com os novos aparelhos do Google sendo anunciados, aos poucos vamos conhecendo as novas estratégias para os smartphones e alguns outros detalhes.

Nas operadoras Google Pixel terá bootloader bloqueado, versão de 32GB com cerca de 24GB para usuário que deverá em alguns casos instalar e usar somente o necessário.

Google Pixel foram anunciados, confira os detalhes sobre os aparelhos em “Novos smartphones Google Pixel são anunciados oficialmente, aparelhos chegam com novos recursos”.

Mas claro que em seu anúncio oficial o Google só revelou o que era interessante para a empresa naquele momento, logo depois sabemos que a linha Nexus foi deixada de lado como podemos ler melhor em “Nexus não serão produzidos, mas serão atualizados para o Android 7.1 Nougat em breve”.

Google Pixel

Agora temos mais algumas informações dos Pixel que não foram reveladas durante o lançamento oficial do aparelho.

O espaço interno que temos nos smartphones é importante, se ele fica cheio, o aparelho pode apresentar lentidão e claro, você não poderá instalar mais aplicativos, baixar arquivos e nem tirar fotos, por isso, é essencial ter um smartphone que tenha espaço suficiente para o seu uso diário.

Nos novos Google Pixel iremos encontrar o modelo com 32GB, ele chegará com 24,3GB de espaço interno disponível para o uso, como o sistema é o Android puro (sem modificações), esse espaço ocupado é maior do que o esperado.

Mas a causa desse aumento de espaço ocupado, em grande parte deve ser pelo novo modo de atualização do sistema Android 7.1 Nougat, as atualizações Seamless (sem costura), elas funcionam basicamente como as atualizações do Windows, a atualização é baixada e instaladas, mas para funcionarem basta reiniciar o smartphone para que ela seja ativa e você nem precise esperar otimizações ou ver a tela de instalação.

Google Pixel

Como podemos ver em “Novos Google Pixel chegarão com Android 7.1, nova forma de atualização e muito mais” e com o espaço ocupado do novo sistema, temos praticamente a certeza que o aparelho possui duas partições, por isso, a partição é “trocada” quando uma nova instalação é instalada, como as partições ocupam espaço, não fica difícil ver que ela é a causa do Android sem modificações ocupar tanto espaço.

Mas felizmente os donos de um Google Pixel não precisam se preocupar com espaço interno se eles adoram fotos e vídeos, ao comprar o aparelho, o usuário ganha armazenamento gratuito para guardar suas fotos e vídeos na qualidade original diretamente no Google Fotos.

Nos Nexus, o bootloader dos aparelhos são os melhores, eles podem ser abertos e trancados a qualquer momento, mas tudo indica que os aparelhos Google Pixel irão chegar com o bootloader bloqueado pelo menos nas lojas da operadora Verizon.

Isso significa que para instalar ROM, fazer root e muito outros procedimentos, o dono de um Google Pixel irá perder a garantia, algo que não é muito interessante para um aparelho do Google que é referencia do mercado.

Google Pixel

No passado os rumores falavam que a linha Google Pixel seria mais voltada para o consumidor comum do que a linha Nexus era para desenvolvedores e com o bootloader trancado podemos observar que os rumores estavam certos.

Mas nesse caso ainda temos que esperar o próprio Google se pronunciar para que só assim possamos descobrir se o bootloader em todos os Google Pixel serão bloqueados ou as operadoras tem liberdade de modificarem o aparelho como quiser.

Artigo AnteriorPróximo Artigo
Sou uma pessoa que adora tecnologia, que gosta de ajudar, principalmente quando tem tecnologia envolvida, espero conseguir trazer muitas informações, aplicativos e principalmente jogos para todos que gostam de Android.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *