Notícias

Baterias da própria Samsung que causaram problema no Galaxy Note 7 não serão usadas no aparelho

Galaxy Note 7

Infelizmente todos os produtos podem sofrer com problemas, mas claro que alguns são simples e outros que precisam ser resolvidos rapidamente para não causar problemas ainda maiores.

Baterias da própria Samsung que causaram problema no Galaxy Note 7 não serão usadas no aparelho, medida é para tranquilizar os consumidores que já compraram ou vão comprar o aparelho.

Todo mundo já está ciente do problema que o Galaxy Note 7 vem passando, mas você pode conferir em detalhes em “Com problemas de bateria, Galaxy Note 7 é retirado do mercado e no Brasil lançamento é adiado”.

Galaxy Note 7

Em resumo, o problema é que desde o lançamento alguns Galaxy Note 7 estão sofrendo com bateria que estão explodindo, a maioria dos aparelhos teve suas explosões quando estavam sendo carregados.

Com muitos casos aparecendo, a Samsung resolveu investigar e conseguiu descobrir que o problema é diretamente na bateria do aparelho, sabendo disso, a fabricante resolveu retirar do mercado todos os Galaxy Note 7 e os que já foram vendidos irão ser trocados por novos assim que tudo estiver resolvido.

Todas as baterias dos Galaxy Note 7 da China são feitas pela fabricante ATL, curiosamente os aparelhos dessa região não estão sofrendo qualquer problema como o relatado acima.

Agora a Samsung revela que as baterias produzidas pela Samsung SDI (setor de bateria e energia renováveis) não serão usadas temporariamente no Galaxy Note 7, essa bateria não está sendo usada nos aparelhos da China.

Galaxy Note 7 queda

Para você ter uma ideia, atualmente 70% dos Galaxy Note 7 do mundo todo, estavam equipados com as baterias da Samsung SDI, sabendo disso, podemos calcular o tamanho do problema que o Note 7 e a Samsung estão passando.

Atualmente as ações da Samsung SDI já tiveram perdas de 2,76% em seu valor, essa perda pode ser ainda maior nesse terceiro trimestre, o prejuízo só com as ações pode chegar em US$16 milhões.

Galaxy Note 7 Congelado 30 metros

Sem contar os possíveis prejuízos em ações, especialistas dizem que a troca das baterias defeituosas pode até mesmo custar 1 bilhão de dólares, mas o que é realmente muito baixo aos milhares de processo que poderia sofrer com as explosões se não fizesse esse procedimento de retirar do mercado o Note 7.

Os consumidores que estavam esperando a chegada oficial do aparelho irão ter que esperar ainda mais um tempo, a Samsung terá que esperar outras fabricantes de bateria conseguirem produzir a quantidade de bateria necessária para um novo lançamento, algo que poderá levar até meses.

Por enquanto confira as especificações e novidades do aparelho em “Galaxy Note 7 finalmente é anunciado, conheça os recursos do smartphone”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo
Sou uma pessoa que adora tecnologia, que gosta de ajudar, principalmente quando tem tecnologia envolvida, espero conseguir trazer muitas informações, aplicativos e principalmente jogos para todos que gostam de Android.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *